Colágeno

colágeno : Como funciona?

Normalmente quando ouvimos falar sobre colágeno a primeira coisa que vem em nossa mente é beleza. A maioria das pessoas não sabe o quanto o colágeno faz parte do nosso organismo, é a classe mais abundante de proteína do corpo humano, representando um terço da proteína total do corpo, sendo também o componente principal da matriz extracelular. Além de ajudar a termos uma pele linda sem marcas de expressão e rugas essa proteína também está presente em outras partes do nosso corpo que não tem ossos e precisam de uma sustentação, como as cartilagens (nariz, orelha) o colágeno auxilia. Tem a função de ajudar na estrutura dos tecidos e é fundamental nas articulações. É encontrado nos tecidos conjuntivos do corpo, como: cartilagens, veias, ossos, dentes, pele, nos músculos e até na córnea dos nossos olhos ela está presente. Podemos comparar ele com uma cola que mantém tudo junto, o que faz todo sentido visto que a palavra colágeno vem do grego “kólla” que significa cola e está presente em  praticamente todos os animais. Neste artigo você entenderá o que é colágeno?

colágeno

Conforme vamos ficando mais velhos vamos perdendo a capacidade de sintetizar essas fibras do colágeno e esse desequilíbrio faz com que as  enzimas específicas degradem o colágeno produzido causando sua deficiência no nosso corpo, por isso se faz necessária a suplementação.

A melhor forma de fazer a reposição é ingerir o colágeno em pó, visto que as cápsulas não conseguem comportar a quantidade ideal para uso diário que são 10 gramas.  Esse material é extraído do osso e da cartilagem do boi sendo processado pelo processo de hidrólise para que o organismo humano possa absorver com mais facilidade trazendo benefícios para o nosso corpo. Nesse formato ele é considerado alimento pela Anvisa podendo ser comprado sem receita médica em qualquer casa de produtos naturais.

Muitas pessoas consomem a gelatina para a reposição de colágeno e não estão erradas, pois a gelatina possui nove dos aminoácidos essenciais em uma proteína alimentícia e quando são absorvidos pelo intestino auxiliam na manutenção das articulações, ossos e pele. Isso é possível pelo fato da gelatina ser uma proteína totalmente desnaturada podendo ser usada como agente emulsificante.

 

Quais são os tipos do colágeno?

Há pelo menos dezesseis tipos de colágeno, mas os quatro principais são:

Tipo I – são os que representam 90% do nosso corpo, composto na estrutura da nossa pele, ossos, tendões, dentes, cartilagem e tecido conjuntivo.
TipoII – articulações
Tipo III – auxilia na estrutura dos órgãos, artérias e músculos.
Tipo IV – se encontram nas camadas da nossa pele.

 

Vamos conhecer mais alguns tipos de colágeno.

Colágeno Nativo: É o colágeno que não foi pré digerido ou desnaturado. A partir dele obtêm-se fibra de colágeno, o hidrolisado e o desnaturado.

Colágeno desnaturado: É uma gelatina obtida através de processos químicos e desnaturar significa perder a estrutura tridimensional e seus principais agentes são: mudança no PH, mudanças na concentração no sal e mudanças na temperatura.

Colágeno hidrolisado: É obtido através de hidrólise química e enzimática e são mais fáceis de serem absorvidas pelo corpo por ter um peso molecular mais baixo.

Conheça os benefícios do colágeno

 

  • Mantêm a firmeza e elasticidade da nossa pele. Um importante aliado nos tratamentos de envelhecimento.
  • Ajuda a sustentar nossos dentes, alguns órgãos e ossos. Importante também nas suas idas ao dentista.
  • Lubrifica as nossas articulações dando elasticidade articular. É essencial praticar alguma atividade física, então você precisa ter mais massa muscular de alguma forma, e procure ter uma resistência maior.
  • Faz parte da cicatrização da nossa pele. É excelente para lesões e outros pequenos problemas.
  • Protege os ossos evitando a osteoporose. Com o passar do tempo, os músculos e os ossos vão enfraquecendo, então vale a pena prevenir agora do que chegar na terceira idade com muitos problemas de saúde.
  • Ajuda na perda de peso – Diluído na água ou no suco ele ocupa todo o estômago e faz com que o processo digestivo seja mais longo o que dá uma sensação de saciedade mais prolongada. Auxilia no seu sistema digestivo, bem como ajuda a perder obesidade o que é muito bom, pois sabemos dos riscos da obesidade.
  • Diminui as rugas, um fato bom para quem se preocupa com a aparência, enfim, o colágeno ajuda e muito no processo de envelhecimento.
  • Ajuda a revestir nosso intestino. O seu intestino terá um funcionamento melhor usando colágeno.
  • Ajuda a desintoxicar o fígado. Problemas hepáticos poderão ser tratados com mais eficiência.
  • Ajuda na saúde hormonal. Testosterona e estrogênio precisam de equilíbrio, então os seus hormônios estarão em melhores níveis.
  • Deixa os músculos mais fortes. Para quem faz atividade física é essencial o uso de colágeno, pois ele te dá sustentação e um melhor preparo físico.
  • Regula a insulina. Para evitar a diabetes é importante que sua insulina esteja equilibrada.
  • Fortalece cabelos e unhas. É essencial para o corpo ter os nutrientes trabalhando corretamente, e o colágeno atua nos cabelos e nas unhas.
  • Previne o surgimento de estrias e celulites. Um bom aliado para as artérias.
  • Anti-hipertensivo. É bom para evitar ansiedade e depressão.
  • Proteção contra úlcera gástrica. É ótimo para o estômago e suas doenças relacionadas.

Quais os alimentos que são fontes naturais de colágeno?

  • Peixes
  • Ovos
  • Leites e seus derivados
  • Frango sem pele
  • Carne Vermelha
  • Gelatina de preferência as incolores
  • Frutas e vegetais vermelhos
  • Frutas ricas em vitamina C
  • Verduras
  • Alimentos ricos em enxofre
  • Castanhas, nozes e amêndoas
  • Aveia
  • Soja

 

Quais alimentos são fontes naturais de vitamina C?

  • O pimentão amarelo cru a cada cem gramas você consome 201,4 mg.
  • Suco de laranja a cada 248 gramas você consome 124 mg.
  • Morango a cada 152 gramas você consome 86 gramas.
  • Mamão a cada 140 gramas você consome 86 gramas.
  • Kiwi a cada 76 gramas você consome 74 gramas.
  • Goiaba a cada 100 gramas você consome 73,3 gramas.
  • Melão a cada 160 gramas você consome 67,5 gramas.
  • Brócolis a cada 92 gramas você consome 36 gramas.

 

Existem muitos outros alimentos ricos em vitamina C, então procure com o seu médico uma dieta perfeita para você.

Os benefícios da vitamina C

Fortalece as defesas naturais do corpo, contem antioxidantes, é um ótimo cicatrizante, melhora a circulação sanguínea, e previne as doenças cardiovasculares. A dose recomendada diária para adultos é de 65 mg.

Detalhe: O uso de suplementos com vitamina C é desaconselhado para gravidez de alto risco e a paciente tiver pré-eclâmpsia, pressão alta, problemas nos rins, diabetes e dificuldades de coagulação.

Malefícios da vitamina C

O uso  excessivo de vitamina C pode causar problemas na gestação como aumento de risco de parto prematuro, e bebês com escorbuto que é uma doença causada pela falta de vitamina C no organismo.

Vitamina C efervescente – quando tomar?

Evita e combate as marcas roxas na pele devido a pequenas lesões.
Acelera a recuperação muscular nas atividades físicas.
Previne gripes e resfriados.
Fortalece a cartilagem e previne o enfraquecimento das articulações.

Detalhe: A vitamina C é facilmente encontrada na alimentação, portanto este tipo de suplemento pode ser excluído da sua agenda.

 

Os melhores cardápios ricos em colágeno

Primeira sugestão:

Café da manhã: Um copo de leite, um pão integral e morangos.
Almoço ou jantar: Um bife de frango grelhado, sopa de arroz com ervilha, salada de alface, tomate e pepino.
Lance da tarde: Um copo de suco verde de couve, maçã e limão, torradas integrais com requeijão.

 

Segunda sugestão:

Café da manhã: Mingau de aveia com 200 ml de leite de soja, três colheres de aveia, e uma colher de sopa de cacau em pó.
Almoço ou jantar: Cozido de peixe com batata, cenoura, repolho e cebola e arroz integral.
Lanche da tarde: Iogurte natural com granola e uma banana.

 

Como o colágeno deve ser consumido com muita vitamina C, observe os cardápios sugeridos:

Primeira sugestão:

Café da manhã: Um pão francês integral, uma colher de sobremesa de margarina light e um iogurte de frutas cítricas.

Almoço: Um bife de fígado, salada de beterraba e cenoura e sopa de arroz integral e uma colher de sopa de lentilha.

Café da tarde: Um copo de suco de limão e torradas integrais.

Jantar: Sopa de picadinho de carne e salada de agrião e tomate.

 

Segunda sugestão:

Café da manhã: Uma fatia de abacaxi e biscoito Maisena e queijo Minas e um iogurte de frutas cítricas.
Almoço: Carne de porco sem gordura, sopa de couve e berinjela.
Lanche da tarde: Uma banana.
Jantar: Um filé de peixe, abóbora e repolho.

 

Terceira sugestão:

Café da manhã: Pão integral, ricota e morango.
Almoço: Um filé mignon grelhado e salada de alface e tomate.
Lanche da tarde: Um mamão com aveia.
Jantar: bife bovino, espinafre, ervilhas e tomate.

 

Quando devo usar o colágeno

Deve ser usado no momento que a diminuição da concentração dessa proteína causar sintomas como:

  • Cabelos finos e quebradiços
  • Aumento da flacidez e perda de elasticidade da pele
  • Aparecimento de linhas de expressão e rugas
  • Surgimento de estrias
  • Pele muito fina e desidratada
  • Quando a densidade dos ossos está diminuída
  • Ligamentos e articulações fracos

Quando há a presença de um ou mais desses sintomas é interessante fazer a reposição para que o organismo fique equilibrado novamente. É importante ter um acompanhamento médico nessas reposições para que não ocorram mais problemas.

O que prejudica a produção de colágeno

  • Açúcar e carboidratos refinados
  • Fumo
  • Exposição exagerada ao sol
  • Doenças autoimunes também danificam o colágeno
  • Alterações hormonais

 

Como tomar colágeno em pó?

Deve-se diluir uma colher de sopa ou conteúdo do pacote em um copo de água, suco ou vitamina.

Como tomar colágeno em cápsula?

Tome uma ou duas cápsulas por dia com um copo com água.

Recomendações

O ideal é ingerir 9 gramas de colágeno por dia e qualquer fonte de vitamina C.

Não há contra indicação para o uso de suplementação de colágeno, mas recomenda-se que não ultrapasse a quantidade recomendada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) que são 10 gramas por dia. Tudo em excesso não faz bem.

Verdades e mitos sobre o colágeno

Gelatina tem colágeno?

Não deve ser consumida em excesso por ter uma fonte pobre de colágeno e conter muito açúcar, corantes e estabilizantes.

Colágeno emagrece?

Sim, ele pode ajudar a emagrecer, pois, ele transmite uma a sensação de saciedade, sendo um bom auxílio no emagrecimento natural.

Ele ajuda no tratamento da flacidez?

O colágeno dá firmeza e elasticidade a pele, sendo assim, o uso contínuo do produto pode ser útil no combate a flacidez.

É preciso consumir colágeno com vitamina C?

A vitamina C possui antioxidante que previne a degradação do colágeno, sendo assim é essencial tomar o colágeno com alimentos ricos em vitamina C.

Quais os benefícios do colágeno para as unhas e cabelo?

O corpo por vezes não produz nutrientes para os cabelos e unhas, sendo assim, é importante usar colágeno para repor estes nutrientes.

Colágeno é indicado no tratamento de estrias?

O colágeno pode ser usado como método preventivo apenas, mas não é indicado quando elas já existem.

Conclusão: Como podemos ver o uso do colágeno está estritamente ligado ao consumo de vitamina C, mas pense bem em praticar atividades físicas. Elas são muito importantes para o desenvolvimento muscular e sua saúde de um modo geral. As dicas dadas aqui a respeito de dietas e cardápios são apenas sugestões, mas lembre-se que o médico é a melhor pessoa para te orientar a respeito deste assunto. Consuma colágeno com cuidado  e sem exageros para evitar problemas, bem como o uso da vitamina C deve ser comedida para não extrapolar o consumo diário. Cuide bem da sua saúde tomando conta dos seus hormônios, tome muita vitamina C, alimente-se bem, e procure ter uma vida mais calma e menos estressante. É muito melhor do que prevenir de tudo que realmente acontece na nossa saúde. Qualquer sintoma importante procure ajuda médica.

2 comentários em “Colágeno”

Deixe um comentário