Creatina para que serve

Quais os maiores benefícios da creatina?

creatina

 

Você sabe dizer o que é a creatina?

A creatina é uma amina que favorece a hipertrofia e também tem outros benefícios que você também recebe. Neste artigo você conhecerá a creatina para que serve, bem como os seus benefícios e vantagens, alimentos, dicas para fortalecer a musculatura, enfim, tudo de melhor para a sua saúde. Certamente você que está lendo esta matéria está interessado em hipertrofia. Lembre-se que não existem fórmulas mágicas para emagrecer, ganhar massa muscular, ter uma saúde melhor, etc. Tudo é uma questão de disciplina e estratégia para conseguir os seus objetivos no menor tempo possível e se possível sem sacrifícios extremos que sejam dolorosos, entre outras situações que prejudique sua saúde de outras formas. Procure sempre ter consciência que para ganhar massa muscular você precisa de escolhas corretas sobre suplementos, atividades físicas e alimentação. Estes três fatores são os principais para que você consiga atingir finalmente o tal desempenho na academia que sonha, o preparo físico que quer, enfim, sua saúde em primeiro lugar. Vamos ver agora o que é creatina.

O que é creatina?

É uma amina sintetizada pelo organismo a partir da metionina, glicina e arginina que são três aminoácidos. Você consegue a creatina através da alimentação também. Veremos agora quais os melhores alimentos que possuem boas porções de creatina para facilitar o seu trabalho de ganho muscular na academia e o uso do suplemento.

Alimentos que contém creatina

A creatina é uma das proteínas mais importantes para que se atinjam os objetivos da hipertrofia. É muito comum ver pessoas nas academias fazendo uso de suplementos como a creatina para aumentar a massa muscular. O certo para atingir os resultados esperados é acumular o máximo de energia possível. Quanto mais energia temos melhor o nosso desempenho nas atividades não só físicas, mas também no dia a dia, tais como profissionais, pessoais e de nossas casas, sendo assim procure se alimentar dos alimentos que vamos abordar agora:

Arenque

Quer um peixe completo compre arenque. Ele é rico em Ômega 3, controla o colesterol, controla a pressão arterial, combate a depressão e ansiedade, possui colágeno sendo muito bom para a pele, e fortalece os ossos e músculos. Possui cálcio também e a cada 100 gramas deste poderoso peixe você consegue 750 mg de creatina.

Carne de porco

É uma carne gordurosa que muitos evitam, mas duas partes da carne se destacam: a bisteca e o lombo. Para cada quilo de carne de porco há 5 gramas de creatina. Saiba que a bisteca e o lombo possuem menos gordura do que o frango, e o ideal é consumi-la grelhada ou assada. A carne de porco é rica em ácido graxo.

Salmão

Este peixe completo é rico em fósforo, vitaminas A, D, B3, B6, B12, selênio, potássio, magnésio e ômega 3 e em cada quilo deste super peixe você encontra 4.5 g de creatina. O seu sistema imunológico ficará muito melhor bem como o seu sistema nervoso.

Fígado

Uma grande opção para o seu cardápio, pois, é uma carne rica em vitamina A, B e D. e em 1 kg tem 4,5 g de creatina. O único problema do fígado é a grande quantidade de gordura que ela possui, então consuma com moderação.

Frango

Outra carne completa que vai te ajudar a ganhar massa muscular, pois em cada 100 gramas você encontra 400 g de creatina. Uma carne pobre em colesterol, previne contra o câncer e problemas de tireoide. É uma carne branca de grande teor nutricional.

Atum

Outro peixe muito bom para ganhar massa muscular e outros benefícios para a saúde. A cada 453 g de atum você encontra 4,5 g de creatina. Possui várias vitaminas como B3, B6, B12, D e E.

Carne vermelha

Os cortes magros da carne vermelha são os melhores para a sua saúde. Para cada quilo você encontra 4 g de creatina. Rica em vitamina B, zinco e ferro e melhora o sistema imunológico. Não cozinhe muito a carne para não destruir a creatina presente.

Bacalhau

Para cada quilo de bacalhau você consome 3g de creatina. É rico em Ômega 3, sais minerais, vitaminas A e D. É um peixe que contém muito sal então para os hipertensos merece uma limpeza especial.

Linguado

Em cada quilo você encontra 2g de creatina. Você encontra as vitaminas A, B6, B12, C e D, sais minerais e cálcio, ferro e o manganês. A melhor forma de servir o linguado é grelhado.

Ovo e leite

Possuem pouca quantidade de creatina, apenas 0,1 g, mas deve fazer parte de nosso cardápio porque são fontes ricas de proteínas e ajudam a combater e prevenir várias doenças.

 

Vamos ver agora os piores alimentos para quem quer ganhar massa muscular

Você viu os melhores alimentos, agora conheça os piores que você deve evitar a qualquer custo. Se você consumir estes alimentos certamente terá problemas de saúde, não apenas para perda muscular, mas em outras doenças. Claro que você pode comer raramente, mas evite ao máximo fazer uso destes alimentos, eles não são nada bons para sua saúde.

Carnes processadas

São as piores carnes para consumir, devido a grande quantidade de água e açúcar. São carnes que vão provocar um pouco de obesidade e isto não é bom, além de outros problemas mais sérios.

Alimentos com açúcar refinado

O açúcar refinado não contém nada que faça bem a sua saúde, nem minerais, nem vitaminas, nem proteínas, e geram muitos malefícios para o coração e outros órgãos. Você pode consumir, mas claro que raramente.

Salgadinhos

Os salgadinhos são terríveis para a saúde como sabemos, pois eleva o seu nível de açúcar no sangue e não possuem nutrientes importantes para a sua saúde. Infelizmente a maioria das crianças gostam de salgadinhos e os pais precisam conscientizá-los do mal que eles fazem para o organismo. O mesmo pode ser dito sobre os refrigerantes e sucos em pó. Os refrigerantes causam obesidade ao extremo e grandes riscos de ter câncer, portanto se afaste destes venenos máximo que puder.

Pizzas congeladas

A farinha branca no organismo desequilibra o açúcar no sangue, além de causar obesidade, as pizzas são terríveis para quem quer ganhar massa muscular.

 

Os benefícios da creatina

Vamos ver agora os maiores benefícios da creatina

Claro que a sua dieta a base de creatina e consumir o suplemento merece uma atenção especial no tocante aos benefícios oferecidos. Vamos a eles:

Aumento da massa muscular sendo o principal objetivo desta proteína, pois através deste aumento você conseguirá uma resistência física maior e um melhor desempenho em suas atividades diárias na academia, no trabalho, na escola, entre outros. Sem dúvidas o que realmente favorece a forma física é a creatina aliada com outros fatores que você nunca deve se esquecer que é uma alimentação balanceada e os melhores exercícios físicos se completam.

Ganho de força e massa magra é um grande benefício porque você conseguirá um melhor desempenho em suas atividades físicas através do consumo de creatina. Como sabemos ao envelhecer perdemos a força muscular e dos ossos. Definitivamente a creatina é essencial neste processo de fortalecimento. Faça isso antes de chegar a terceira idade, mas para quem já está, nunca é tarde para praticar atividades físicas para ter um padrão de vida melhor.

Sabemos que não só uma boa alimentação e atividades físicas ajudam na saúde de um modo geral, mas sua conduta perante a vida também. Tente ser uma pessoa mais calma e relaxada, não acumule muito estresse senão os seus órgãos sentem com certeza. A partir do momento em que você relaxar e sair mais com os amigos e família, fica mais fácil para os suplementos, atividades físicas e dieta balanceada influenciarem em sua saúde. Quanto falamos em estresse lembramos do coração. Se você se estressar facilmente poderá ter complicações, então o uso da creatina faz bem ao seu coração e ao sistema imunológico.

Durante a carga do treino o uso da creatina facilita o fluxo sanguíneo e também do oxigênio o que favorece sua saúde como um todo. Definitivamente você precisa usar a creatina a fim de obter melhores resultados em suas atividades do dia a dia.

Uma vez que você se exercita e aumenta sua força muscular, certamente você consegue um desempenho melhor e o mais importante, menos fadiga muscular. Nada pior do que sair de um treino, corrida ou caminhada com dores pelo corpo. A creatina reduz estas dores e incômodos através do fortalecimento ósseo e muscular. Você se sentirá mais motivado para realizar os exercícios físicos que você mais gosta. Pense bem na hora que for escolher atividade física, faça aquela que mais gosta.

 

Como tomar a creatina

Na primeira semana de treinos: tome uma dose de 20 a 25 g/dia dividindo cinco vezes por dia. Na segunda semana até a décima segunda semana mantenha de 2 a 5 g por dia, de 4 a 5 vezes ao dia. Esta é apenas uma das formas para tomar, mas lembre-se de conversar com o seu médico para outra análise.

 

O que você nunca deve fazer nos treinos

Treinos temporários: Muitas pessoas vão a academia para perder peso e acabam parando um ou dois meses depois assim que atingem o objetivo. Logo em seguida voltam a comer pizzas, sanduíches, balas, chocolates, etc. Desta forma eles não vão conseguir atingir o peso ideal e vai virar o efeito sanfona. A creatina precisa de um tempo para trabalhar e as atividades físicas devem ser frequentes. Pense bem quando escolher a sua, uma vez que você pode até mudar um dia se quiser, mas nunca desista e evite a vida sedentária.

Treino em jejum: Faça refeições leves antes dos treinos. Nunca vá de estômago vazio, pois certamente você vai se sentir mal e não queimará gorduras o suficiente, porque o seu organismo e metabolismo estarão mais lentos. Tome um iogurte, coma uma fruta ou até mesmo uma salada antes de ir treinar.

Escolha carboidrato para os treinos: Pão integral light, batata doce, arroz integral, aveia, torradas integrais são boas opções para os seus treinos garantindo bons resultados e aumentando a queima da gordura. Evite ao máximo pão francês, biscoitos e bolos.

Consumir os suplementos na hora errada: O ideal é seguir religiosamente os horários prescritos para tomar os suplementos, sendo assim, você conseguirá os resultados melhores e no tempo correto. Respeite os ciclos sugeridos por cada suplemento, então dê aquela parada recomendada e depois recomece. Se você se sentir mal por algum motivo, vá a um médico para uma melhor avaliação, portanto qualquer efeito colateral deve ser observado.

Não beber muita água: Sabemos da importância da água no nosso dia a dia. Ela elimina as toxinas, limpa o nosso organismo, regula os órgãos e dá uma melhora muito boa na saúde de um modo geral. Certamente você vai se sentir bem se tomar pelo menos dois litros de água por dia, principalmente após os treinos quando você perde muito líquido. Esta perda precisa ser reposta através do consumo de água, sendo assim, leve sempre sua garrafa para a academia, ou quando for correr, caminhar, nadar, etc.

Comer besteiras depois do treino: Comer balas, doces, chocolates, pizza depois do treino é um erro capital. Você perdeu algumas calorias, então aproveite para comer alguma coisa saudável para manter o seu metabolismo equilibrado. Coma frutas ou verduras, barra de cereal, pão integral, enfim, tudo que for saudável. Fique longe de comidas pesadas porque você sentirá no futuro o efeito sanfona.

Não coma carboidrato a noite: Quando dormimos o corpo não gasta energia, então carboidrato não é necessário para gerar. Coma alguma coisa leve duas horas antes de dormir.

Pular refeições: Não é uma boa ideia pular refeições, ou seja, tenha o seu café da manhã normalmente, almoce e coma alguma coisa a tarde. O ideal é você comer a cada três horas para o metabolismo do seu corpo funcionar de uma forma melhor. Todas as refeições são importantes, então evite comer coisas pesadas demais que te façam mal. Certamente você conseguirá um resultado muito melhor e sua saúde será muito boa se seguir estas dicas.

 

 

 

 

Deixe um comentário